Notícia

Madeira lança jingle e pode ser enquadrado por propaganda antecipada

O pré-candidato a prefeito Carlos Madeira (Solidariedade) pode ter medido os pés pelas mãos.

Empolgado com o lançamento da recente pré-candidatura, o juiz Valparaíso lançou um jingle e deve ser enquadrado por propaganda eleitoral antecipada.

Mesmo sendo ex-juiz, Carlos Madeira parece não ter se atentando às regras eleitorais e pode sofrer multa pela veiculação do jingle.

Vale lembrar que a utilização das redes sociais para alguma forma de divulgação, seja apenas com o nome ou alguma frase com alusão a futura candidatura pode ser caracterizada como propaganda eleitoral antecipada. A multa varia de R$ 5 mil a R$ 25 mil reais.

Comentários estão desativados

2 respostas para “Madeira lança jingle e pode ser enquadrado por propaganda antecipada”

  1. Lusivan disse:

    Evento partidário fechado amigão!

  2. Francisco Ferreira da Silva disse:

    Fiquem ciente que não adianta essa perseguição.
    Dr. CARLOS MADEIRA será o próximo prefeito de São Luís.
    Carlos Madeira tem competência e experiência para administrar São Luís.

    Não queremos nenhum desses “MENUDOS”.

    MADEIRA NELES!!