Notícia

Com medo de coronavírus, Roberto Rocha vai recorrer às videoconferências no Congresso

O senador Roberto Rocha (PSDB), presidente da comissão especial para discutir a reforma tributária, antecipou ao site O Antagonista que, em razão do novo coronavírus, deve suspender as sessões presenciais.

“Estou avaliando o anúncio de suspensão dos trabalhos até o fim de março. No entanto, continuaríamos com a discussão, mas não na sala do Congresso, onde se aglomera quase uma centena de pessoas.”

A ideia do senador é propor reuniões por videoconferência ou com um grupo menor de parlamentares, em formato ainda a definir.

Por enquanto, no entanto, segundo ele, está mantida a ida de Paulo Guedes à comissão na próxima terça-feira. Ainda que, claro, o desenrolar dos acontecimentos possa mudar qualquer programação até lá.

“Nesta pandemia, 24 horas vão parecer uma eternidade.”

O senador chegou até a mandar produzir um vídeo sobre o coronavírus. Veja:

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.