Notícia

O Ibope, Roberto Rocha, a Jakarta e mais uma pesquisa estranha

A pesquisa Ibope, contratada pela Jakarta Publicidade, também aferiu o cenário eleitoral para o governo do Maranhão em 2022, em São Luís. E o resultado não poderia ter sido mais estranho.

A liderança do senador Weverton (PDT) com 21% dos votos é até entendível, já que ele obteve, na capital maranhense, mais de 280 mil votos para o Senado.

O estranho foi a posição do senador Roberto Rocha (PSDB), com 19,4%. Há menos de dois anos, também na disputa pelo governo, Asa de Avião só obteve 3% dos votos.

Como ele teria ganho mais de 15 pontos em menos de dois anos? Será que a elevada pontuação tem relação com as lives que a Jakarta produz para o senador?

Talvez seja por isso que nos bastidores da política maranhense essa pesquisa do Ibope tenha ganho a fama de a gosto do contratante.

O terceiro colocado é o vice-governador do Estado, Carlos Brandão (Republicanos), que tem 7,1%; e o quarto é o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), com 6,8%.

Outro fato estranho foi a bolsominion Maura Jorge não aparecer na pesquisa. Afinal, ele teve 10% em 2018, quase 40 mil votos a mais do que Roberto Rocha.

E, mais uma vez, o controverso empresário Janderson Landim, dono da Jakarta, divulga uma pesquisa polêmica sobre o governo do Estado. Assim como em 2018, que seu levantamento apontou empate técnico entre Flávio Dino e Roseana.

Comentários estão desativados

Uma resposta para “O Ibope, Roberto Rocha, a Jakarta e mais uma pesquisa estranha”

  1. Lay frade disse:

    Chega a ser engraçado essa postagem. O Weverton é aceitável e RR, não. Chega a ser infantil e hilário a falta de discernimento desse blog.