Notícia

César Pires alerta para situação socioeconômica do Maranhão e pede mais transparência

“É uma triste realidade”, enfatizou o deputado estadual César Pires (PV), em fala na tribuna da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), nesta quarta-feira. O parlamentar tratava sobre a situação socieconômica do Estado, comparando números de desempregados, desocupados e desestimulados no Brasil, Nordeste e Maranhão.

Pires destacou a importância da troca de informações oficiais sobre a situação socioeconômica do Maranhão.

Citou dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em que apontam o Maranhão, atualmente, com 17.2% de desocupados – pessoas que procuraram emprego e não encontraram nem na informalidade.

“Pior ainda é saber que nós temos pessoas desalentadas, ou seja, que não mais procuram emprego, pois já se cansaram e estão desestimuladas”, disse. Segundo os dados, no Brasil, há 5% da força de trabalho desalentada, 11% no Nordeste e no Maranhão, essa taxa chega a 18.6% da população acima de 14 anos.

Um novo debate sobre o tema está marcado para a quinta-feira (23), às 10h, na Sala das Comissões da Assembleia, reunindo representantes do IBGE, do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc) e da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem).

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.