desprestígio

Alvo da PF, Josimar não conseguiu foto com Bolsonaro

Josimar de Maranhãozinho, alvo da Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (01), participou da filiação de Jair Bolsonaro ao Partido Liberal (PL) na terça (30), em Brasília.

Sentado na sexta ou sétima fileira do evento, o deputado federal maranhense viu, de longe, o senador Roberto Rocha em cima do palco, entre os filhos do presidente, prestigiando o enlace político de Bolsonaro e Valdemar da Costa Neto.

Josimar, aliás, sequer conseguiu tirar uma foto com o “Mito”, enquanto Roberto fazia questão de mostrar sua “moral” junto ao clã Bolsonaro.

A adesão de Bolsonaro ao PL era prevista para o último dia 22, mas foi adiada para ontem.

O comando no PL do Maranhão seria um dos entraves que fizeram a filiação atrasar.

Segundo a imprensa nacional, o presidente exigira Josimar fora da legenda.

O senador “Asa de Avião” e o deputado federal Aluísio Mendes (PSC) teriam influenciado na imposição de Bolsonaro.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.