Novo contrato

Mesmo após prisão de Eduardo DP, governo Brandão publica contrato com a Construservice

Mesmo após a prisão do empresário Eduardo José Barros Costa, também conhecido como Eduardo DP ou “Imperador”, o Governo do Estado publicou um novo contrato de R$ 22 milhões com a Construservice, empresa de propriedade do Eduardo DP. 

Segundo a resenha do contrato de n.º 20/2022, a empresa seria responsável pela realização de serviços de manutenção, conservação e execução de pavimentação de rodovias estaduais e das vias urbanas e rurais da cidade de Santa Inês. 

O documento foi publicado no Diário Oficial dessa quarta-feira, 20, mesmo dia que o Eduardo DP foi preso na Operação Odoacro, desenvolvida pela Polícia Federal (veja aqui).

Antes de ser preso, o “Imperador” esteve na Secretaria Estadual de Infraestrutura (Sinfra) na terça-feira, 19 (veja aqui). Na ocasião, ele se reuniu com o vice-prefeito da cidade de Satubinha, Cássio Geordane, para discutir sobre os serviços de pavimentação na cidade. 

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: