unidos pela miséria

Carlos Brandão já aparece à vontade ao lado de Sarney

Carlos Brandão assumiu publicamente a aliança com a família Sarney.

Com o MDB oficialmente no palanque governista, o governador-tampão do Maranhão já aparece risonho ao lado do ex-presidente José Sarney, como aconteceu na quarta-feira (11), em São Luís, durante a comemoração de 114 anos da fundação da Academia Maranhense de Letras.

Com a desenvoltura de um filho pródigo que retorna à antiga casa, a opção pessoal de Flávio Dino na disputa pela sucessão no Palácio dos Leões se mostra bem à vontade em aparecer ao lado daqueles que até outro dia eram — segundo os comunistas — os responsáveis por tudo de ruim que aconteceu no Maranhão nos últimos cinquenta anos.

Se Brandão parece ter virado a página, assumindo o ônus de ser aliado e cúmplice do clã Sarney à véspera do início da campanha eleitoral, Dino ainda resiste. O ex-governador tem relutado em tirar um retrato com o pai da ex-governadora Roseana Sarney, talvez para fugir do constrangimento de ser confrontado por aqueles que acreditaram no discurso da “proclamação da República do Maranhão”.

Dino, no máximo, se deixou fotografar ao lado de Adriano Sarney, antigo desafeto pessoal, se esgueirando pelos cantos dos palanques de Brandão. Resta saber até quando o pré-candidato ao Senado Federal pelo PSB fugirá de uma simples foto com os Sarney.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: