Participações ativas

Suspeito de intermediar propina na Seduc, Beto Castro continua ativamente na campanha de Brandão

O vereador Beto Castro (Avante) continua participando ativamente da campanha do governador-tampão Carlos Brandão (PSB) em São Luís, mesmo após ter sido revelado que o parlamentar foi o articulador de um caso de corrupção na Secretaria Estadual de Educação (Seduc).

O esquema de pagamento de propina na Seduc, que tem participação direta do vereador, resultou na morte de João Bosco Sobrinho Pereira de Oliveira, no dia 19 de agosto, em frente ao Edifício Tech Office, em São Luís. 

Passados mais de 30 dias do assassinato, Beto Castro continua não apenas sendo um dos principais articuladores da campanha de Carlos Brandão em São Luís, como também desfila com desenvoltura em praticamente todos os eventos do governo e dos candidatos palacianos na região do Bairro de Fátima e adjacências, seu principal curral eleitoral.

Na semana passada, o vereador pediu licença do seu mandato na Câmara de São Luís com para atuar nas campanhas governistas nesta reta final do período eleitoral. Até o momento, o parlamentar nega a participação no esquema de pagamento de propina, enquanto que toda a cúpula do Governo do Estado, incluindo o sobrinho-secretário de Carlos Brandão, Daniel Itapary Brandão, simplesmente silencia sobre o caso.  

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: