Propaganda na rádio

Wellington denuncia Rádio Timbira por fraude contra propaganda de Bolsonaro

Em discurso nesta quinta-feira, 27, na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Wellington do Curso (PSC) denunciou a existência de indícios de fraudes no que diz respeito às inserções em rádio com conteúdo de propaganda eleitoral no Maranhão.

Segundo o deputado, no período de 07 a 14 de outubro, a Rádio Timbira, estatal do Governo do Maranhão, divulgou apenas 10 inserções com conteúdo do candidato Jair Bolsonaro (PL), enquanto que as demais emissoras divulgaram uma média de 197 a 200 inserções. Por outro lado, durante o mesmo período, a campanha de Lula (PT) foi beneficiada com 213 inserções veiculadas na Rádio Timbira, evidenciando um favorecimento ao candidato petista. 

“Enquanto as demais emissoras no Estado do Maranhão divulgam de 197 a 200 inserções do candidato Jair Bolsonaro, a rádio comunista do Governo só divulgou 10 inserções no período de 07 a 14 de outubro. Isso aponta para uma grande possibilidade de censura e, por isso, tem de ser apurado. Apresentei um requerimento para que a direção da Rádio explique o motivo da redução no número de inserções”, disse Wellington, mostrando documentos que mostram a suposta fraude. 

O parlamentar afirmou também que acionou a Polícia Federal (PL) e o Ministério Público para investigarem o caso. 

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: