Manifestação antidemocrática

Bolsonaristas vão às redes sociais das forças armadas pedir intervenção militar

Bolsonaristas insatisfeitos com a derrota nas urnas estão indo às redes sociais das forças armadas pedir por intervenção militar, o que é um crime conforme prevê a Constituição Federal. 

Na página oficial do instagram do Exército, são diversas as mensagens deixadas pelos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) em que eles pedem que os militares deixem os quartéis e se juntem aos atos antidemocráticos. 

Nos últimos dias, o número de seguidores no instagram do Exército aumentou consideravelmente, passando de 2,1 milhões para mais de 7 milhões desde a última segunda-feira, 31.

O mesmo aconteceu com as redes sociais da Marinha e da Força Aérea Brasileira (FAB) em que os bolsonaristas deixaram diversas mensagens de apoio a um golpe militar.

Desde a derrota de Bolsonaro para Lula no último domingo, os seguidores do capitão reformado do Exército estão promovendo uma série de arruaças em todo o país, sendo a maioria manifestações golpistas e antidemocráticas. 

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: