Impronunciável

Brandão quer apoio de Lula sem citar o petista

O vice-governador Carlos Brandão (PSDB) quer ter Lula (PT) em seu palanque, mas as diferenças ideológicas são tantas que ele é incapaz de pronunciar o nome do petista.

A observação foi feita pelo ex-secretário Márcio Jardim (PT) ao analisar as recentes entrevistas do pré-candidato ao governo.

“O tucano Carlos Brandão, candidato do governador Flávio Dino, de olho na federação e apoio do PT, anunciou filiação ao PSB. Desde então concedeu dezenas de entrevistas e fez incontáveis discursos. Um deles na sede do PT/MA. Detalhe: sem nunca pronunciar o nome de Lula”, disse Márcio Jardim. 

Em um passado recente, Brandão chamava Lula e a ex-presidenta Dilma Rousseff Brandão de “estelionatários eleitorais”, quando se referia ao atraso das obras de implantação da Refinaria Premium I, no município de Bacabeira. 

Nos próximos dias, Carlos Brandão promete sair do ninho tucano rumo ao pombal socialista. A mudança, porém, causa desconfianças no seu entorno.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.