reação

Flávio Dino é o maior prejudicado com repercussão da Ipec

Candidato a senador pelo PSB, Flávio Dino é o maior prejudicado com a péssima repercussão dos números do Ipec divulgados pela Mirante na segunda-feira (20).

De uma cajadada só, o ex-governador foi alvo de críticas de Edivaldo Holanda Júnior, do PSD, e do ex-secretário Simplício Araújo (Solidariedade) após a divulgação da desacreditada pesquisa. 

Holandinha, que perdeu quase dez pontos percentuais entre um levantamento e outro, reagiu sugerindo que Dino é um “político que acha que é dono do Maranhão.

“A dobradinha Dino com Sarney é a única verdade na eleição”, sentenciou Edivaldo após a divulgação do ex-Ibope.

Na pré-campanha, o ex-prefeito de São Luís chegou a sentar-se com o comunista para negociar um possível apoio na eleição de senador, mas o deputado federal Edilázio Junior, presidente estadual do PSD, não permitiu que o acordo fosse concretizado.  

Outro que não digeriu bem o resultado, Simplício entrou com os pés no peito da dupla Flávio Dino e Carlos Brandão.

“Carlos Brandão tenta salvar a eleição do Senado. No Maranhão quem não ganha a eleição no primeiro turno, perde também o Senado”, afirmou o ex-deputado federal, sugerindo que pode retroceder e não apoiar Dino na disputa pela Câmara Alta.

Deixe um comentário