desistência

Fundador do Data Ilha abre mão de candidatura

Ex-presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, o comunista Marcos Grande desistiu da candidatura à Câmara Federal.

Um dos fundadores do controverso instituto DataIlha, Grande era cotado para substituir Carlos Lula no comando da Secretaria de Estado da Saúde, mas perdeu a cadeira para um preposto do ex-prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva.

Defenestrado pelo governo-tampão, Marcos Grande ainda tentou se viabilizar como pré-candidato a deputado federal, contudo, a falta de base e de estrutura politica fizeram ele desistir da disputa.

Próximo ao Palácio dos Leões, o DataIlha deve divulgar pesquisa com cenários da disputa pelo governo estadual nesta segunda-feira (15). O levantamento foi contratado pela Band do Maranhão.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: