TUDO EM CASA

“Ministério da Justiça do Maranhão” ganha mais um integrante

Com a desistência do Coronel Nivaldo César Restivo em ocupar a Secretaria Nacional de Políticas Penais do Ministério da Justiça, a partir do próximo governo, Flávio Dino (PSB) optou novamente por uma solução caseira.

Trará diretamente da subsecretaria de Administração Penitenciária do Maranhão o policial penal Rafael Velasco Brandani.

O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (27/12), por meio das redes sociais.

Este é mais um nome das gestões dinistas que será abrigado na pasta a ser comandada pelo ex-governador a partir de 1º de janeiro. Seus braços direito e esquerdo na estrutura ministerial também são egressos dos governos comunossocialistas: Ricardo Cappelli (ex-Secom) e Diego Galdino (ex-Segov).

Na semana passada, após a polêmica envolvendo a indicação de Edmar Camata para a direção da Polícia Rodoviária Federal, Dino escolheu para substitui-lo o ex-chefe da PRF no estado, Antônio Fernando Oliveira.

Antes, já estavam anunciados para compor o ministério: Jonata Galvão, ex-adjunto da Sedihpop (Diretor de Acesso à Justiça e Mediação de Conflitos), Lorena Ribeiro, ex-Chefe da Assessoria de Imprensa do Governador (Secretária de Comunicação Social) e Rafaela Vidigal, ex-Secretária de Estado Chefe de Gabinete do Governador (Chefe de Gabinete do Ministro).

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: