DETIDO

PF prende Sarneyzinho do Maranhão

O Antagonista

A Polícia Federal prendeu Antônio Jose Santos Saraiva, conhecido como “Sarneyzinho do Maranhão”.

Em vídeo compartilhado nas redes sociais ele afirma que enviou “capangas” à Brasília para “assassinar, fuzilar e executar” o ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes.

A prisão ocorreu da divisa entre os estados do Maranhão e do Piauí.

Sarneyzinho do Maranhão era filiado ao PSDB e foi candidato a deputado estadual nas eleições deste ano. O partido informou que ele foi expulso por “conduta manifestamente incompatível”.

“Cuidado, meu amigo. Meus homens já estão de olho em ti. Já está te arrodeando aí em Brasília e em São Paulo. A minha ordem é para te executar […] Cuidado com tua vida, vagabundo”, diz o político em um trecho do vídeo.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: