Racha na direita

Após veto de lei, Lahesio dispara contra Mical: “Vota em tudo que é projeto comunista”

Lahesio Bonfim, liderança da direita maranhense, abriu o verbo contra a deputada estadual Mical Damasceno (PSD) após o Projeto de Lei 441/2023, apresentado por ela e aprovado na Assembleia Legislativa, ter sido vetado pelo governador em exercício, Felipe Camarão.

“Deputada que se diz conservadora, mas vota em tudo que é projeto comunista, agora teve projeto vetado pelos amigos comunistas, um dia ela aprende a dar ouvidos a palavra que diz ‘não se serve a dois deuses'”, escreveu Lahesio em uma publicação no Instagram.

No discurso que fez na sessão desta quarta-feira (10), Mical falou sobre a proximidade com o governador Carlos Brandão que cumpre agenda oficial no Panamá. Ao assumir o cargo, Camarão afirmou que seguiria as diretrizes deixadas por Brandão.

“Agora, ele se incomoda, deputado Yglésio, com a questão da proximidade do governador conosco”, declarou a parlamentar ao falar sobre o deputado Rodrigo Lago (PCdoB) que, momentos antes, havia afirmado na tribuna que o governo de Brandão é de centro-esquerda e aliado do presidente Lula.

A proposta visava assegurar aos pais e responsáveis o direito de vedarem a participação de seus filhos em atividades pedagógicas de gênero nas escolas do estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *