Opinião

Nêga do Coroadinho e mais uma vez a sensatez de Jeisael

A escolha de Luzimar, a Nêga do Coroadinho, como vice na chapa de Neto Evangelista (DEM) gerou uma série de debates sobre a composição das eleições em São Luís.

Ela foi alvo de ataques torpes de parte de amilhados de pré-candidatos que tem como marca a política tradicional e a escolha de vices de acordo com os conchavos políticos.

Mas nem todos enxergam a política como moeda de troca. E, nesse sentido, o pré-candidato da Rede Jeisael Marx foi cirúrgico em seu comentário.

Também um representante do povo, sem amarras políticas, filhotismo e conchavos, Jeisael louvou “a escolha de uma mulher negra, assistente social, mãe de quatro filhos, evangélica (como eu), moradora do Coroadinho e integrante do movimento das mulheres, como candidata numa chapa majoritária em São Luís”.

“Força, Luzimar. Vai ter filho de pobre na eleição”, afirmou o pré-candidato da Rede.

Mais uma vez, Jeisael demonstra a sensatez que vem marcando sua recente trajetória política. Após a traição de Roberto Rocha (PSDB) a Wellington do Curso (PSDB), ele foi o primeiro a se solidarizar, mesmo o tucano sendo um possível adversário seu até então.

A liberdade com que Jeisael entra nesta campanha podem alavancá-lo a altos patamares, sobretudo pelo posicionamento firme e humano que ele vem tomando.

Comentários estão desativados

Os comentários estão desativados.